• Blockquote

    Mauris eu wisi. Ut ante ui, aliquet neccon non, accumsan sit amet, lectus. Mauris et mauris duis sed assa id mauris.

  • Viva a Juventude Socialista

    E Comunista!

  • Vicaris Vacanti Vestibulum

    Mauris eu wisi. Ut ante ui, aliquet neccon non, accumsan sit amet, lectus. Mauris et mauris duis sed assa id mauris.

  • Vicaris Vacanti Vestibulum

    Mauris eu wisi. Ut ante ui, aliquet neccon non, accumsan sit amet, lectus. Mauris et mauris duis sed assa id mauris.

  • Vicaris Vacanti Vestibulum

    Mauris eu wisi. Ut ante ui, aliquet neccon non, accumsan sit amet, lectus. Mauris et mauris duis sed assa id mauris.

  • Vicaris Vacanti Vestibulum

    Mauris eu wisi. Ut ante ui, aliquet neccon non, accumsan sit amet, lectus. Mauris et mauris duis sed assa id mauris.

Participe!

quinta-feira, 29 de setembro de 2011

Leia... “Mobilização ‘internética’, nem tanto ao mar, nem tanto à terra”

segunda-feira, 26 de setembro de 2011
Publico aqui um texto escrito pelo Líder Luciano Siqueira em seu blog. Muito bom o texto e sintetiza um pouco o debate sobre a mobilização dos cidadãos brasileiros através das redes sociais apontando uma crítica sucinta aos meios de comunicação que tentam influenciar o povo contra a organização dos movimentos sociais e partidos políticos.

“Mobilização ‘internética’, nem tanto ao mar, nem tanto à terra” – artigo de Luciano Siqueira

Não é a primeira vez nem será a última que se supervaloriza o instrumento em detrimento do conteúdo. Nesse caso, parece uma onda – à semelhança das ondas reais de manifestações ocorridas no Oriente Médio e em alguns países da Europa, como a França. Atribui-se à internet – ao uso de sites de relacionamento, sobretudo – o dom de produzir grandes movimentações em praça pública, “à revelia dos partidos políticos, sindicatos e organizações estudantis clássicas”, que estariam superados.

Nessas análises ligeiras há uma clara subestimação das causas objetivas dos movimentos registrados. Como se fosse possível, por um passe de mágica, tornar real o desejo subjetivo de alguns indivíduos, que se supõe sejam em geral jovens, sem qualquer compromisso com correntes de pensamento sistematizado, transformando-os em movimentos de massas. Que em alguns lugares a organização política seja incipiente, pelo menos nas formas convencionais, tudo bem – especialmente em países árabes cuja prática democrática quase inexiste. Mas razões objetivas há, de sobra, para que manifestações de rua se produzam. Não surgem do nada. São produtos de uma realidade objetiva hostil, que parcelas crescentes da população já não suportam e contra ela se sublevam.
Mesmo no caso de Paris e outras cidades francesas, onde grandes encontros festivos regados a consumo elevadíssimo de bebida alcoólica, que recentemente tumultuaram o ambiente em fins de semana e provocaram a intervenção do governo. Se não há causa explicita, há uma espécie de rebeldia sem causa que, em última instância, reflete a realidade objetiva adversa que reclama no mínimo uma válvula de escape.
Assim, o noticiário acumula manchetes e reportagens evidentemente marcadas por um desejo – de clara conotação politica – de ver a população reagir à margem das organizações politicas e sociais. “Militantes do Facebook descobrem a política”, é um exemplo. “Pelo Twitter, milhares atendem à convocação e ganham as ruas”, outro exemplo.
Há casos em que os promotores desses atos públicos se dizem absolutamente ignorantes ou avessos à política – e são saudados como novidade benéfica!
Existe algo mais politizado do que o combate à corrupção? E por que se dá tanta corda, na grande mídia, a atos públicos nos quais os organizadores rejeitam a participação de políticos, partidos, sindicatos, entidades estudantis e até inofensivas ONGs? Por que analistas dessas manifestações tergiversam sobre o conteúdo da “causa”, obscurecendo a necessidade de medidas concretas, para além do protesto, tais como a adoção do financiamento público das campanhas eleitorais, sabidamente um antidoto eficaz às relações promiscuas entre detentores de mandato e grupos econômicos, que está na raiz da corrupção institucionalizada?
Movimentos desprovidos de conteúdo são facilmente manipuláveis pelos meios de comunicação, que procuram direcioná-los a objetivos políticos nem sempre confessáveis.
Porém na prática, nem tanto ao mar, nem tanto à terra. Quem vai às ruas pelo simples desejo de protestar muitas vezes desperta para a necessidade de compreender a raiz dos problemas, ganha consciência política e se torna ativista consciente. Para frustração dos manipuladores.

Reflita!


"É melhor tentar e falhar, que preocupar-se a ver a vida passar. É melhor tentar, ainda que em vão, que sentir-se fazendo nada até o final. Eu prefiro na chuva caminhar, que em dias tristes em casa me esconder. Prefiro ser feliz, embora louco, que em conformidade viver."


Martin Luther King

Paulo Freire 90 anos, Presente!

terça-feira, 20 de setembro de 2011

10ª Parada da Diversidade - Botando o bloco na rua!




Em Recife, no ultimo domingo (18 de Set. 2011), aconteceu a 10ª Parada da Diversidade! E com muita irreverência e disposição que essa galerinha botou o bloco na rua para gritar Por um Pernambuco sem homofobia: a mudança começa em você! Neste grande ato político contra a discriminação desfilaram cerca de 10 trios elétricos com muito dance e a concentração do evento foi organizada no parque Dona Lindu para posteriore tomar a Avenida de Boa Viagem (BV)! Várias entidades estiveram presentes, como a UBM, UEP, UMES, SINTEPE, entre outros.

É claro que não poderia faltar  a gloriosa União da Juventude Socialista, afinal a maior Juventude organizada do País tem que estar em todo canto! Foi organizada pela UJS Recife uma tenda na Praia de BV próximo ao hotel Jangadeiro! Não posso esquecer também que neste mesmo dia aconteceu a 1ª Corrida da Diversidade que foi organizada pela Secretaria de Esportes do Estado de Pernambuco e contou com a ajuda dos ESEFianos que trabalharam na corrida (ESEF presente em tudo!) Parabéns a todos que ajudaram a construir o evento e abrilhantaram a festa com muita alegria sem esquecer também das pautas políticas!

Larissa, Amanda Melo e Hannah

Adicionar legenda

Assista aos vídeos da 10ª Parada da Diversidade:




Reitoria Itinerante discute resultado do censo de professores

sábado, 17 de setembro de 2011
Nesta terça-feira (13/09) a Universidade de Pernambuco (UPE) iniciou mais uma etapa da Reitoria Itinerante. Neste segundo semestre, a pauta do projeto tem como tema o resultado do censo dos professores da instituição, realizado no período de abril e maio deste ano, que teve como objetivo construir um banco de dados atualizado, para subsidiar a avaliação da demanda ocasionada pelas aposentadorias e exonerações, assim como aquela gerada pela criação de novos cursos.

     O resultado do censo será discutido nas visitas da Reitoria Itinerante a cada unidade de ensino da UPE. Essas visitas  seguem até o próximo mês de outubro. Participam da discussão o reitor e vice, diretores e vices, coordenadores setoriais, conselho de gestão acadêmica e administrativa e representantes dos núcleos estruturantes de curso. Veja abaixo as datas e locais de reuniões do projeto.

DATA – HORÁRIO – LOCAL
13.09, das 8h30 às 12h30 – Petrolina
14.09, das 13h às 18h – Garanhuns
15.09, das 13h às 18h – Nazaré da Mata
20.09, das 9h às 12h – Faculdade de Ciências da Administração da UPE
20.09, das 14h às 18h – Escola Politécnica da UPE
22.09, das 14 às 18h – Faculdade de Odontologia da UPE
23.09, das 14h às 18h – Faculdade de Ciências Médicas da UPE
27.09, das 9h às 13h – Escola Superior de Educação Física da UPE
27.09, das 14h às 18h – Faculdade de Enfermagem da UPE
28.09, das 15h às 18h – Caruaru
29.09, das 14h às 18h – Instituto de Ciências Biológicas da UPE
25.10 – Salgueiro
26.10 – Arcoverde

Fonte: Site da UPE
Ps.: É de grande importância que os estudantes da UPE participem!

Programação especial marca os 60 anos da Unicap

A Assembleia Legislativa de Pernambuco irá prestar uma homenagem aos 60 anos da Universidade Católica de Pernambuco e aos 50 anos do curso de Jornalismo. O evento será realizado no dia 19 de setembro, às 18h, como sessão especial no plenário principal da Casa de Joaquim Nabuco. A iniciativa partiu do deputado estadual e líder do governo no Legislativo, Waldemar Borges (PSB) e teve o apoio do presidente da Alepe, Guilherme Uchoa (PDT).


Os 60 anos da Unicap também serão comemorados com atividades especiais da 9ª Semana de Integração Universidade Católica & Sociedade. Nesta terça-feira (20), haverá a palestra Mudanças no Código Florestal: implicações socioambientais, às 18h30, no anfiteatro do bloco G4, 3º andar. As professoras Isabelle Meunier e Cynthia Suassuna serão as palestrantes. O evento tem apoio da Universidade Federal Rural de Pernambuco. Na quinta-feira (22), das 9h às 17h, está programada campanha de doação de sangue, promovida pelo Hemope. O ponto de coleta estará na sala de convivência dos funcionários, ao lado da Capela.


A 9ª Siucs, realizada em parceria com o Instituto Humanitas Unicap, inovou no formato. Diferentemente dos anos anteriores, em 2011 não haverá um tema fechado. A Siucs irá abordar os cinco polos temáticos do Humanitas. Cada um dos cinco centros que forrmam  a Unicap irá discutir um aspecto diferente. O CTCH ficará com Teologia, Ciência e Cultura; o CCS com Mercado, Pobreza e Desigualdades; o CCT com Ecologia, Desenvolvimento e Sociedade Sustentável; O CCJ com Gênero, Diversidade e Questão Étnico-racial e Democracia; e o CCBS com Sociedade e Políticas Públicas.

Confira abaixo a programação completa da 9ª Siucs



Fonte: Site UNICAP

Qual o tipo de Sociedade queremos Construir?!

Na ultima sexta-feira (16 de Set. 2011) apresentei um trabalho da disciplina de Gerenciamento Escolar (por sinal uma excelente disciplina e brilhantes professores!). O trabalho foi sobre a administração científica com os ensinamento de Taylor! Estudando para esse trabalho percebi o quando ainda hoje somos influenciados pelas teorias desta escola em nosso cotidiano quando tratamos do gerenciamento escolar. Pois é... Esta teoria que foi criada pelas influencias do período da revolução industrial, mas precisamente na segunda metade do século XIX, por um tal burguês chamado Taylor. Digo Burguês porque assim era designada a chamada classe média dos comerciantes! Foi neste período que administração passou de um conhecimento empírico para uma ciência. Ciência esta que nos ensinamentos de Taylor tenta trazer benefícios para o proprietário das Indústrias e para o operário! Mas será mesmo isso verdade?! (fica a reflexão...)

Nessa administração visa de caráter muito forte a PRODUTIVIDADE somada , é claro, ao lucro. Onde se acredita que quanto mais aprimoramento da técnica específica para cada atividade melhor a produtividade. É nessa administração que o supervisor manda fazer tal atividade, com determinada técnica, com determinado tempo e o operário simplesmente a cumpre sem pestanejar. E qual é o beneficio do operário?! Ahhh, ele fará tudo em menor tempo e terá uma recompensa que não representa nem 20% da lucratividade que se tem com a chamada nova técnica! Não seria muita coincidência que neste período tivessem estourado tantas reivindicações e revolta dos operários!

Acredito que tem um filmezinho que sintetiza muito bem o que foi época. É o velho e novo Tempos modernos com Charles Chaplin!




Mas o que tudo isso teria haver com a Educação e/ou escola?! Pois tem tudo haver! Algumas, ou várias, escolas têm uma organização sistemática que visa também a produtividade! Produtividade esta que vem também atrelada ao lucro! Preste atenção... Atualmente uma escola bem sucedida nos nossos "Tempos Modernos" está vinculada ao percentual de aprovação no vestibular. Ou seja, quanto mais alunos aprovados no vestibular melhor esta escola. Então para alcançar esse objetivo no 3º Ano, por exemplo, são negligenciados vários conteúdos para se fazer um “resumão” do vestibular (até as aulas de Educação Física torna-se verdadeiras aulas de relaxamento para aliviar a tensão "pré-vestibular"!). A Educação vira um verdadeiro campo mercadológico! E assim surgem os cursinhos com os mesmos princípios e até Faculdades! 

Porque nas escolas não podemos aprender algo interessante que possamos carregá-los conosco por toda vida?! Porque nas escolas não aprendemos o nosso papel na sociedade e até mesmo porque neste mesmo ambiente alguém tem que nos dizer que para ser "alguém" na vida temos que ter um curso superior?! É... os ensinamentos construídos na época da Revolução Industrial são tão atuais quando a afirmação de que a escola nasceu e ainda continua falida! Mas não sendo tão pessimista ainda a tempo de mudá-la. E para mudá-la é necessário refletir qual tipo de sociedade queremos construir! Queremos uma sociedade mecanizada e bitolada nos anseios do lucro?! Ou uma sociedade fraterna, sem classes,  com cidadãos autônomos e críticos cientes de seu papel coletivo de transformador do mundo?! (Fica mais uma reflexão...)

Sobre o ENEM :'( [...]

quarta-feira, 14 de setembro de 2011

Recomendo - O homem do futuro!

Simpósio em universidade discute Direito homoafetivo

Esta é a última semana para inscrever no evento, que segue até o sábado e vai reunir advogados, militantes LGBT e estudantes, além de outros profissionais; temas jurídicos relacionados à cidadania LGBT serão debatidos

A Universidade Católica de Pernambuco (Unicap) sedia a partir desta sexta-feira (16), o I Simpósio Pernambucano de Direito Homoafetivo. Esta é a última semana para inscrever no evento, que segue até o sábado (17) e vai reunir advogados, militantes LGBT e estudantes, além de outros profissionais. Temas jurídicos relacionados à cidadania LGBT serão debatidos.

Entre os palestrantes do Simpósio estão o deputado federal Jean Wyllys e o juiz que realizou o primeiro casamento gay em Pernambuco, Clicério Bezerra.

Os participantes do simpósio, promovido pela ONG Leões do Norte e pelo Diretório Acadêmico de Direito da Universidade Católica de Pernambuco, receberão certificado de participação equivalente à 16h de atividade complementar.

SERVIÇO

 
I Simpósio Pernambucano de Direito Homoafetivo
16 (sexta-feira) e 17 (sábado) de setembro
Universidade Católica de Pernambuco -  Sala 302, Bloco ‘G’.
R$ 20 (até esta quarta-feira) e R$ 30 – Inscrições devem ser realizadas na Unicap


Fonte: Da Redação do pe360graus.com

Selton Mello no Festival de Circo

No Festival de Circo do Recife, que rola de 12 a 23 de outubro nos Teatros Santa Isabel, Luiz Mendonça, Apolo e Barreto acontecerá a pré- estréia nacional do filme O Palhaço, de Selton Melo. O melhor: o diretor estará presente para debate após a exibição. Palestras, lançamentos de livro, debates e oficinas, este ano, serão abertas ao público em geral.


Fonte: Blog Social 1

Participe!!!

domingo, 11 de setembro de 2011

A sessão de Diálogos da disciplina de Cultura Popular e o LAPED – Laboratório de Estudos Pedagógicos - convidam para o debate sobre:

As expressões da cultura

Palestrantes:

Erisvelton Sávio Silva de Melo
 antropólogo; pesquisador sobre ciganos e cultos afro-brasileiros ap artir das questões étnico-raciais e políticas.

Magdalena Almeida
historiadora; conselheira do Conselho Municipal de Política Cultural do Recife; pesquisadora sobre aspectos da História Cultural, patrimônio imaterial, cultura e arte, educação, e etnicidade.

Dia: 15 de setembro, quinta-feira

Hora: 16:20 às 18:00

Local: Sala da ESEF / UPE

Neste mesmo dia, estaremos apresentando a exposição fotográfica organizada pelos alunos da disciplina sob o mesmo título do debate: As expressões da cultura

* Todos os participantes receberam certificado!*

Veja o Banner do Evento!

 

Pé na Rua

Gente,

tinha visto essa galera do programa durante o grito dos excluídos e resolvi "fuçar" na internet para descobrir quem são! Adorei a idéia os vídeos e compartilho este com vocês. Para outros visitem o site do Pé na rua!

Exposição: Esporte e Expressões da Cultura!

Meus amigos,

Hoje coloco para vocês a foto que fará parte da exposição da disciplina de Cultura Popular. Sendo a temática da disciplina "expressões da Cultura" escolhi esse mosaico de imagens que mostram a criatividade, tradições e a luta de um povo! A criatividade fica caracterizada nas duas fotos que representam o futins, um esporte criado em Pernambuco que mostra uma das grandes paixões nacionais (o futebol) a prática dos patins. A tradição fica caracterizada pelo "atleta" caboclo de lança, onde através do esporte com muita alegria e irreverência mantemos viva a memória de uma figura tão tradicional do nosso Pernambuco. E por fim apresento fotos tiradas no grito dos excluídos mostrando o desejo Brasileiro da retirada do Ricardo Teixeira da CBF, da campanha por mais bicicletas e menos carro! Espero que goste! A exposição será feita na quinta-feira (15 de Set. 2011) na ESEF / UPE.

Beijos e confira!

"Esporte e expressões da Cultura: A criatividade, as tradições e a luta!" Por Thamires Lucena

Tem que ser é Comunista!










Os meios de produção quero socializar
Para o poder nas mãos do povo colocar
Neste mundo não tem luta de classe nem de cor
E tudo é do povo, sim senhor!

E por esse mundo vou lutar
Para esse sonho em realidade Transformar
Mas para quem quer comigo construí-lo, fica a seguinte dica:

Não basta ser apenas socialista
Pois socialismo em si é só uma transição política
Porque política mesmo tem que ser é Comunista!


E se você pudesse mudar o Mundo?

Vídeo do Canal do youtube de GuguHorn!

Os anos passaram e o governo não é o mesmo de 1995

Foto tirada por Thamires Lucena

Na ultima quarta - feira (07 de Set. 2011) "matei" um grande desejo de participar do Grito dos Excluídos aqui em Pernambuco. Fui... E levando em mim a mesma idéia romântica (de quando era criança) de que aquele seria, talvez, um dos poucos atos em que iria ver Igreja e movimentos sociais de um mesmo lado. O lado da luta por uma sociedade mais justa! Engano meu, este grito que não é o meu "grito" (pois não me contempla), não é mais o mesmo de outrora.

Poucos jovens envolvidos, poucos movimentos sociais (acredito que estavam presentes 2 mil pessoas)! Mas o porquê de tudo isso?! Acho que a resposta fica dita entre as linhas de como sempre foi a construção / constituição da mobilização deste evento: 

  • "Denunciar o modelo político e econômico que, ao mesmo tempo, concentra riqueza e renda e condena milhões de pessoas à exclusão social;
  • Tornar público, nas ruas e praças, o rosto desfigurado dos grupos excluídos, vítimas do desemprego, da miséria e da fome;
  • Propor caminhos alternativos ao modelo econômico neoliberal, de forma a desenvolver uma política de inclusão social, com a participação ampla de todos os cidadãos." Texto retirado do site do Grito dos Excluídos

Os anos passaram e o governo não é o mesmo de 1995, ano em que foi realizado o 1º Grito dos Excluídos.  Não estamos mais num governo que fecha Universidades públicas, que vive das privatizações, que usou da maquina para "vender" nosso País! O momento agora é outro, este é um governo em parte de esquerda! Um governo que ampliou o número de Universidades Públicas, que valoriza o que é do Brasil e que usa a máquina para trilhar rumo ao Desenvolvimento Nacional. Quando digo em parte de esquerda, é porque ao lado destes seguem forças de coligação partidária que podem até querer um País desenvolvido. Mas esse desenvolvimento que eles buscam será para refletir na vida de poucos e que com certeza vos digo: estes não são os excluídos do qual trata a manifestação!

É bem verdade que para alcançarmos um Brasil que realmente defenda os anseios de todo o povo brasileiro teremos que dar muito passos nesta empreitada. E para isto precisamos da força dos movimentos sociais dando a linha de qual futuro queremos para o nosso País. Só porque o governo é em parte de esquerda não significa que podemos aceitar que forças retrógadas, que estão tentando afundar a gestão, tomem frente das ações a serem consolidadas no Brasil! Faz-se necessário que os movimentos sociais apontem os caminhos para o governo, o que se faz necessária é pressão popular! É preciso que os movimentos Sociais briguem menos por poder e lutem mais pelo povo. Que em atos como estes prezem por pautas que unifiquem todos os sindicatos e entidades estudantis (o que para mim isto não ocorreu) para que assim nossas reivindicações saiam ainda mais fortalecidas. 

Por fim,  amanhã vai ser outro dia  e espero que a próxima manifestação tenha uma construção diferente. Onde todos e todas se sintam a vontade de abraçar suas bandeiras e pintar seus rostos de povo!



 * Fotos tiradas por Thamires Lucena


Ps.: Disponibilizo dois vídeos que gravei no Grito dos Excluídos 2011! Viste meu canal no youtube!



Mundial de Futins no SESC de Recife! Parte II

Boa noiteee Galera,

Já tinha colocado um "post" no mês de agosto sobre o Futins, mas ainda não tinha colocado nenhum dos vídeo que gravei durante o evento! Então disponibilizo aqui para vocês (antes tarde de nunca :P ) e também gostaria de parabenizar todos que se esforçaram para que esse evento acontecesse.

Parabenizo também aos atletas ESEFianos que jogaram muuuuito (no forte Futins Clube e no Sport) e o Campeão do Torneio (merecidamente) Armscas Marseille (FRA)!

Ahh... para ver outros vídeos, visite meu canal no youtube: http://www.youtube.com/LucenaThamires



Peço que ignorem minhas "pérolas" no vídeo da final (Armscas Marseille X Sport Recife)! Você não sabem como é difícil pra mim assistir um jogo contra o "ixpoti" calada, né! Afinal... torcer contra o sport não tem preço! Principalmente quando no resultado final as "susy's" perdem

"vixe maria" ¬¬'
"Contra o sport nadaaa?! TUDOOOOO!"
"eeeeiii... cartãoooo! expulsaaaaa"

VIII Bienal Internacional do livro de Pernambuco


Entre os dias 23 de setembro e 02 de outubro de 2011, será realizado mais um capítulo da Bienal Internacional do Livro de Pernambuco. Com o tema “Literatura e Cidadania”, a Bienal chega a sua 8ª edição e o pavilhão de exposições do Centro de Convenções de Pernambuco, em Olinda (PE), volta a ser palco das discussões e debates que fomentam a feira literária referência de Pernambuco.

Nesta oitava edição do evento, livreiros, editores e distribuidores de todo o Brasil estarão reunidos mais uma vez, consolidando o Estado como um dos mais importantes pólos literários do país. O evento, que já faz parte do calendário cultural pernambucano, contempla leitores de todas as idades e escritores de todos os estilos. Um grande acontecimento que estimula o hábito da leitura em todas as camadas sociais, democratizando a informação inteligente.

O poeta recifense Mauro Mota e o escritor cearense Ronaldo Correia de Brito serão os grandes homenageados desta 8ª edição.

Para estimular o hábito da leitura, a VIII Bienal Internacional do Livro de Pernambuco terá uma extensa programação de palestras, oficinas literárias, bate-papos, apresentações infantis e muitas outras atividades. E tudo isso numa grande estrutura, com espaços exclusivos.

Esses espaços são pensados estrategicamente para tipos diferentes de públicos:

Auditórios Beberibe, Brum e Ribeira
Pela primeira vez utilizados na Bienal, os auditórios Beberibe, Brum e Ribeira receberão uma intensa programação acadêmica desenvolvida por diversas instituições como UNICAP, UFPE, APL, UBE, Clube do Livro Espírita e Colégio Damas. No auditório Ribeira o SESC reeditará o CineSESC, que exibirá filmes sobre a temática de literatura e cidadania em todos os dias do evento.

Círculo das Letras
Aqui as crianças poderão conhecer o mundo dos livros. Serão realizadas apresentações culturais, recitais poéticos e narrações de histórias para crianças de todas as faixas etárias.

Café Cultural
Espaço intimista e informal, sob coordenação da Fafire, onde escritores, jornalistas e professores farão leituras abertas, participarão de debates, minicursos e estabelecerão um contato mais próximo com o público.

Círculo das Ideias
O coração dos debates da Bienal. Por aqui passarão os principais autores convidados do evento, além de contar com uma programação variada de oficinas, seminários e mesas de debates.

Charges... Caricaturas... O humorístico Brasileiro ;D

sábado, 10 de setembro de 2011
E vai aí uma mensagem sobre o 11 de setembro, no humor Brasileiro!

Ahhh... Todos os direitos reservados para o site Charges! Assistam:

Prestação de Contas da Atuação Parlamentar


Na última segunda-feira (05 de Set. 2011) às 19h 00min na Casa rosada participei de um encontro promovido pelo Deputado Estadual Luciano Siqueira. Este evento que contou com aproximadamente 500 convidados e teve como objetivo prestar conta das ações do parlamentar. Além disso, todos os convidados receberam um folheto solicitando contribuições / pautas em que o Deputado poderia debater e lutar durante o seu mandato.

A Universidade de Pernambuco se fez presente ao evento com a participação do Magnífico Reitor Carlos Calado, Profª Aronita, Profª Maria Auxiliadora "Dora" (Vice - diretora da FFPNM), Prof.ª Bernadete Campos (Adupe), Profº. Agostinho Rosa (Coord. Licenciatura ESEF/UPE e Presidente do Centro Paulo Freire), os estudantes Vinícius Barbosa, Thamires Lucena, Fernando Filho, Juliana Priscila, Hannah, Larissa, entre outros. Algumas de nossas sugestões para o Deputado foram: Lutar pela Criação do OP da Juventude, Criação do Plano Estadual de Assistência Estudantil, A luta pela Autonomia da Universidade de Pernambuco, Contratação de Professores efetivos para UPE, entre outros.

Além da Prestação de contas do Mandato, comemorávamos também o aniversário deste grande ícone do PC do B e da política Pernambucana. Desde já parabenizo este Norte-rio-grandense de nascimento e Pernambucano de coração, felicidades mil! Pernambuco com certeza agradece por tê-lo como um dos principais representantes desta terra de altos coqueiros. Esta terra que em meados dos anos de chumbo respirou revolução e que ainda hoje conta com guerrilheiros como você na luta pela democracia, pela soberania Nacional e desenvolvimento social.

Para meu amigos Leitores, deixo um vídeo do Discurso de Luciano Siqueira durante o encontro!

Fonte do Vídeo: Canal do youtube de Luciano Siqueira


“O mandato não me pertence” Luciano Siqueira

UPE terá representante no JUB'S!

Isso mesmo Galera,

A Universidade de Pernambuco, com a ajuda da Associação Atletica Acadêmica da Escola Superior de Educação Física e da Coordenação de Esportes da UPE, participou durante o mês de Agosto do 59º JUPs (Jogos Universitários de Pernambuco). Sendo este uma etapa estadual classificatória para o JUBs!

O JUBs acontecerá durante os dias 03 à 08 de Novembro de 2011 na cidade de Campinas/ SP. A UPE terá uma representante, a estudante Marta Rejane da Faculdade de Formação de Professores de Petrolina / UPE. Ela participou do JUPs na modalidade xadrez, onde levou a terceira colocação e conseguindo assim a vaga para representar a Instituição perante todo o Brasil! Parabéns Marta pela vitória, estaremos torcendo por você! Parabéns também a todos que se dedicaram para representar nossa querida UPE no JUPs (volei, xadrez, futsal feminino, entre outros) e a AAA / ESEF UPE que não mediu esforços junto com a Coordenação de Esportes da IES de maneira que pudesse garantir a participação de todos os atletas.

Ps.: É o xadrez mais uma vez levando nome da nossa Instituição pelo Brasil afora!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...